última vontade

Quem tem algo por que viver é capaz de suportar qualquer "como".
(Nietzsche)

Comentários

Irene disse…
esta afirmação tem relação com o conceito de amor fati, não tem>?!
estudei Nietzsche em alemão... talvez me tenha escapado alguma coisa, mas gostei!
Mhm... Soa a "pérolas de chuva vindas de países onde não chove".
Pronto, pronto. O homem até sabe dizer umas coisas, só que tem aquelas deficiências...
AGLOCO disse…
Lê no meu blog o último BOOM da Internet!

E se tiveres de acordo, associa-te a ele.

Fica bem!
se eu tenho? ai se eu tenho..claro que tenho algo por que viver, e por esse algo sou capaz de suportar tudo...e tu, tens?
Ah, Irene, desculpa a demora em responder-te...mas acho que de certa forma esta afirmação tem muito a ver com o conceito de amor fati, sim:

"Pelo estímulo ao amor fati, Nietzsche ansiava promover a aceitação da vida como ela é, a aceitação da realidade como tal, a aceitação dos factos — o amor ao destino, o amor à própria condição, o amor a si próprio."
li isto em qualquer lado...
Irene disse…
Altino, obrigada pela explicação. esta atitude ajuda muito a VIVER!
Este comentário foi removido pelo autor.
Não era nada disso que eu queria dizer. Não quero olhar para o Outono, prefiro olhar para a Primavera. Sabes que "Winter dreams the same dream everytime"... e eu também.
E, respondendo à tua pergunta: tenho. Tenho pois! E sei que sou capaz de suportar tudo por esse algo.

Mensagens populares deste blogue