adopte, sim?

Cara Inês Alva, eu tenho o hábito de visitar o seu "Azimutes". Confesso que gosto de como escreve e do que escreve. Por vezes fico confuso, páro um instante, releio um parágrafo ou outro e, juro que não é por mal, ás tantas penso que lhe vai fazer muito bem adoptar.

Comentários

Mensagens populares deste blogue